Em uma semana, quase 150 quilos de droga são apreendidos no Acre

Flagrantes ocorreram tanto em Rio Branco, como em cidades do interior do Acre entre sábado (25) e este sábado (1º).

Ao todo, seis pessoas foram presas por tráfico de drogas esta semana.

Em uma semana, quase 150 quilos de droga são apreendidos no Acre Arquivo/PM-AC e PRF-AC Em uma semana a polícia conseguiu apreender quase 150 quilos de droga no estado do Acre e prendeu ainda seis pessoas em flagrante por tráfico de drogas.

Os casos foram contabilizados em reportagens do G1 publicadas entre sábado (25) e este sábado (1º) tanto na capital, Rio Branco, como nas cidades do interior. O primeiro caso foi de um motociclista de 40 anos que foi preso com mais de 11 quilos de maconha e oxidado de cocaína durante uma abordagem do Grupo Especial de Fronteira do Acre (Gefron).

O flagrante ocorreu durante a Operação Hórus no Ramal do Polo, que fica entre as cidades Epitaciolândia e Xapuri, interior do Acre, no sábado (25). Com o suspeito, a polícia encontrou mais de seis quilos de maconha e mais de cinco quilos de oxidado de cocaína.

Ele foi levado para a delegacia da Polícia Federal.

A motocicleta que ele estava também foi apreendida. Na segunda-feira (27), a Polícia Militar apreendeu 32 quilos maconha, no bairro Cruzeirinho, em Cruzeiro do Sul.

Um casal que estava com o entorpecente guardado em casa foi preso por tráfico internacional de drogas.

Segundo o comandante da PM na cidade, tenente coronel Evandro Bezerra, a suspeita é que a droga seja de origem do Peru.

Dois dias depois, na quarta (29), um homem de 39 anos foi preso em flagrante com 2 quilos de pasta base cocaína escondidos em um fundo falso embaixo do banco traseiro do carro.

O veículo foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal em Senador Guiomard, BR-317 no interior do Acre. Ainda na quarta, uma denúncia anônima ajudou as polícias Militar e Federal, que apreenderem 76 quilos de droga enterrados em um matagal na cidade de Porto Walter, interior do Acre.

A apreensão foi feita por policiais da Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam) do 6º Batalhão da PM-AC de Cruzeiro do Sul, cidade vizinha.

Ninguém foi preso.

Na noite de sexta (31), uma mulher foi presa pela Companhia de Policiamento de Choque do Batalhão de Operações Especiais (Bope) ao ser encontrada com mais de 16 quilos de maconha em uma casa no bairro Apolônio Sales, em Rio Branco. Por fim, neste sábado (1º), uma jovem de 22 anos foi presa em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) com 10,8 quilos de maconha dentro de um ônibus que seguia de Porto Velho (RO) para Rio Branco.

No bairro Santa Cecília, na BR-364, a polícia parou o ônibus e a mulher apresentou nervosismo durante a abordagem.

Dentro de uma das bolsas, tinha vários pacotes de maconha.

A passageira confessou que havia comprado o entorpecente em Rondônia e pretendia revendê-lo em Rio Branco.

Ela foi encaminhada para a Delegacia de Flagrantes em Rio Branco. Reforço policial O secretário de Segurança Pública do Acre, coronel Paulo César, diz que as apreensões no estado são reflexo das ações de cooperação entre as polícias estaduais e federais e também da presença mais efetiva da polícia nas rodovias e regiões de fronteira e ribeirinhas.

Ele cita que uma das medidas para conter o crime no estado, que faz fronteira com Peru e Bolívia, o que consequentemente acaba contribuindo para ser uma das principais rotas do tráfico de drogas do país, foi a criação do Grupo Especial de Fronteira (Gefron), atuante desde 2019. “Nós integramos a inteligência de todas as forças estaduais e federais.

Então, essas apreensões não são aleatórias.

Também foi criado o Gefron, que tem o objetivo de promover a fiscalização de fronteira.

Com isso, atualmente temos as forças armadas ocupando todos os acessos rodoviários e intensificamos as operações ribeirinhas, principalmente na região do Juruá”, disse o secretário.

Ele também falou que existe o Disque Denúncia, no número 181, que é uma ferramenta para as pessoas repassarem essas informações para a polícia.

“Quando a informação chega, passa por uma investigação que é realizada pela inteligência e, com base nesses dados, é que são acionadas as equipes de campo”, explicou.

Aumento de apreensões nas rodovias A PRF contabiliza um aumento de 25% na apreensão de drogas nas rodovias federais do estado.

No ano passado, entre janeiro e julho, foram apreendidos 252,42 quilos de drogas, entre maconha e cocaína.

Já este ano, no mesmo período, o número subiu para 316,30 kg. Em 2019, 26 pessoas foram presas nessas ocorrências, já este ano, o número de prisões foi de 24 nas rodovias 317 e 364 no Acre.

Categoria:Acre